Negócios Sustentáveis

Bancos chineses têm novas regras socioambientais

A Comissão Reguladora dos Bancos da China (The China Banking Regulatory Commission - CBRC) acaba de introduzir novas regras para o setor bancário visando a promover melhores práticas de sustentabilidade nos negócios. A partir de agora, os bancos chineses deverão cortar os empréstimos para indústrias altamente poluidoras e consumidoras de energia e passar a privilegiar o financiamento de indústrias e projetos da chamada economia verde.



Com essa decisão, a CBRC quer incentivar os bancos a avaliar e classificar os riscos socioambientais, cujo resultado influencie o rating e o acesso ao crédito pelas empresas. A Comissão já adiantou o próximo passo: especificar indicadores-chave para uniformizar e garantir a aderência de todos os bancos à nova regra, incluindo o China Development Bank (o BNDES chinês).

A nova regra vale também para os empréstimos concedidos pelos bancos chineses a projetos no exterior, o que é particularmente relevante considerando o crescente envolvimento de empresas e bancos chineses no desenvolvimento de negócios ao redor do mundo.

Por meio dessa nova regra envolvendo o setor bancário e por outras decisões de investimentos na economia verde, o Governo chinês busca responder às críticas que o seu setor empresarial vem sofrendo de promover a degradação do meio ambiente e pouco respeitar as condições de saúde e segurança no trabalho.

Esperemos que a CBRC dê transparência sobre os resultados da aplicação dessa nova regra e que possam servir de inspiração para outros governos.

Leia também o nosso post “Banco Central da China cria ‘lista suja’ de empresas poluidoras”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário